29 de set de 2009

16/08/2008 - Lançamento do Livro na 20ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo

O autor Gabriel Arruda Burani e seus convidados, na 20ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo.

Foi tudo muito mágico. O acordo com a editora seria que o livro seria lançado na Bienal. lembro-me, na 19ª Bienal, que desejei com todas as forças um dia poder lançar meu livro numa Bienal do Livro futura... acho que os deuses me ouviram e proporcionaram esta oportunidade.
Acordamos cedo... na verdade nem consegui dormir direito! Por fim, pegamos o carro e fomos pra São Paulo. Fiz o cadastro na portaria, como AUTOR. Como? Apresentei meu livro e o convite do lançamento... foi rapido, preenchi um formulario e em segundos estava com o crachá amarelo pendurado no pescoço. Me permitiram entrar antes da abertura dos portões para o publico e, fui para o stand da All Print. O rapaz que criou a capa estava lá.

"- Cara, gostei demais do seu livro! Li ele varias vezes para montar a capa e criar o marcador como você queria." - ele me disse ao cumprimentar-me.

Ajeite-me na mesinha e esperei. Logo as pessoas começaram a chegar e pergutnar coisas sobre o livro. Durante toda a manhã foram e vieram muitas pessoas, dei autografos. Enfim foi divertido!

Meus convidados vieram para a primeira sessão de autografos, em sua maioria: primeiro chegaram Ana Laura com os pais e a Belle! Meu tio Gê chegou logo. Meus primos Rafa e Bruna, com os nosso amidos: Junior, Tomé. Logo vieram o Viegas e seus pais - Edna e Sílvio, bem como com a Valéria. Tiramos muitas fotos e eles adquiriram cada qual um belo exemplar autografado do meu livro! Fiquei feliz que todos apareceram, mesmo. Por ser em SP achei dificil do pessoal aparecer - ainda mais por que havia aparecido outro compromisso no mesmo dia aqui na nossa cidade - mas ainda assim todos apareceram! E assim, a manhã correu.

Tinha um intervalo até as 16hrs, para a segunda sessão. Fui dar uma volta. Encontrei lá Maurício de souza dando autografos... eu que não sou bobo, logo fui presenteá-lo com um livro meu! Infelizmente o tempo que gastei entregando o livro foi curto, e logo cedi m eu lugar junto á ele e a Mõnica e o cebolinha para uma criança da fila.. ahhahah

O visitamos e logo tive de voltar para a segunda parte, agora no stand da Tmaisoito. Lá foi mais cansativo.. não sentei um minuto siquer. Conversei com muita gente e novos amigos apareceram: minha queridissiima Guta, amiga escritora, foi me prestigiar. Logo meus tios Celinha e tio Milton apareceram também. Tiramos fotos, conversamos sobre o livro, e tia Celinha, bem como minha mae, fizeram uma boa propaganda do livro. Um dos meus amigos, me avisou que viu uma menina setada no chão lendo meu livro, na bienal mesmo! hahahaha (espero que ela tenha gostado)

Enfim, o dia passoi mbem rapido. Depois das 17hrs, guardei minas coisas e o lucro do dia ($) e fui dar uma volta. Encontrei outros amigos, como Edson Rossato, da Editora Andross. À proposito, tenho um conto publicado pela Andross, chamado "Na Calada da Madrugada" (na Antologia chamada Caminho do Medo), publicado também em Agosto de 2008, na Casa das Rosas em SP.

Depois de ficar algum tempo no stand da Andross saimos dar uma ultima volta antes de voltarmos para casa. Mal me aguentava em pé quando cheguei. Sabia que desde aquele instante meu livro ganharia o mundo. Da cota que eu tinha permissão de vender na Bienal (sim, nós os peixes pequenos temos uma cota pra participar) vendi bem e fiquei satisfeito. Naquele momento eu sabia que as histórias do Hugo estariam não mais na minha mente apenas, mas na de muitos outros... e ai, bem comeceia elaborar o segundo livro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário